Mauazinho

 

Construída inicialmente para atender parte da demanda da capital, a ETA Mauazinho, a partir de meados da década de 1979, passou a abastecer também o Distrito Industrial de Manaus, sendo atualmente responsável pelo abastecimento de outras áreas próximas às suas instalações. Está localizada na parte leste da cidade, no bairro Mauazinho, às margens do igarapé de mesmo nome, afluente do rio Negro.

A estação é do tipo filtração direta ascendente, funcionando com taxa declinante e é constituída das seguintes unidades: Caixa de chegada de água bruta e Filtros de fluxo ascendente alimentados por tubulações individuais.

Na estação de tratamento, os passos de processo são equivalentes: captação, correção da acidez, coagulação; floculação, filtração, desinfecção pós-alcalinização e bombeio. Os processos de coagulação, floculação e filtração são realizados dentro do leito filtrante.

Capacidade de produção ETA Mauazinho: 0,195 m3/segundo de água tratada.